HOME SOBRE CONTATO FREEBIES CLIPPING

Só leia o textão se precisar


08 janeiro 2016


Se você está lendo isso agora, é porque eu finalmente mudei de ideia quanto a deixar isso guardado em uma pasta de “Textos nada a ver” que tenho no meu Windows. No inicio eu realmente pensei que esse texto não teria nada a ver e que vocês realmente não entenderiam o que eu estou tentando passar aqui. Lembro que uma amiga uma vez me disse que adora o que eu escrevo, mas que muitas vezes, não entende. Tudo bem, muitas vezes eu também não entendo metade do que escrevo, eu simplesmente boto pra fora o que está engasgado, ou enganado em meu coração.

 Como também penso que toda leitura é questão de momento, você não vai ler um texto sobre perda se o que você mais quer é ver se outras pessoas estão também tão felizes quanto você e também não vai fazer ao contrário, ler um texto sobre felicidade, sendo que o que você mais precisa é ver que não é a única que está a passar por isso.

Depois do que minha amiga disse, comecei a separar meus textos. Pastas especificas para cada assunto: Textos de amor, textos de aceitação, textos de relacionamentos, Listas, Cartas, Texto tristes, Texto de auto ajuda e texto que eu ainda não sabia sobre o que eram. Na verdade, esse texto deveria estar nessa ultima pasta, só que por insistência de sabe-se-lá-oque eu resolvi jogar ele no Facebook. Acho que era a minha consciência ou meu guia espiritual, sei lá, dizendo que outra pessoal tinha que ler isso.

 Pois bem, o que eu estou a escrever é isso. As vezes nos sentimos perdidos, como se seguir a rotina da vida não fosse normal. Nascer, crescer, aprender, estudar, namorar, formar, trabalhar, trabalhar, trabalhar, casar, trabalhar, trabalhar, ter uma família e trabalhar até não mais aguentar. Se bem que eu não me importaria de fazer isso sabendo que isso é mesmo o que quero. A questão é que se você não segue isso, você já é estranho. “O que? Você ganha para escrever livros?” “O que? Você só viaja? Como assim?” “Você só sabe dançar? E depois?” “Ok, então você vai viver a vida fazendo comida para os outros?” E o que que tem?

 Desde quando crescer é ser igual? Ainda lembro-me muito bem o que certa professora disse sobre isso: “Crescer é mudar”. E apesar de todas as perguntas que vieram em seguida daquela frase, ela continuou falando. “Crescer é se descobrir, é quebrar a cara, aprender, duvidar, é seguir sozinha, crescer é sonhar.” E caramba, vocês não sabem como aquelas palavras me deixaram, de certa forma, aflita. Eu queria crescer, só que não sabia quando e como isso ia acontecer. Quando eu tinha 7 anos, imaginava que iria crescer com 10. Então quando eu tinha 10, perguntei para minha mãe se eu já era moça crescida, ela disse que sim. Só que depois, do nada ela falou de uma tal festa debutante e tive que esperar até meus 15 anos, nessa idade eu já achava que era mulher. Me comportava como gente que sabia de tudo e ditava regras para mim mesma.

Tempos atrás encontrei aquela minha professora na rua e perguntei sobre essa coisa de crescer, ressaltei o que ela disse em uma certa época na sala e ela ficou pasma pela compreensão ao pé da letra. Disse que crescer era tudo isso, mas que eu não tinha vivido nem metade. Perguntou se eu já me descobri, se já quebrei a cara, se já segui sozinha, se já vivi meus sonhos? E quer saber, a única coisa que fiz foi duvidar de mim e perguntar se eu já era a tal da moça crescida. Eu apressei demais meus passos e quis correr atrás de uma descoberta que sabe-se-lá-porque nunca me importei em realmente procurar.

Crescer é muito mais viver. Quando se vive, toda a descoberta, o choro, a duvida, o sonho e o aprendizado, vem junto. Quando se vive, você não precisa aprender para aonde está indo, você só tem que ir. Não tem que seguir uma regra de onde morar, como conseguir, por que ter, e fazer uma estatística enorme de possibilidades. Quando você cria expectativa em cima de tudo isso, ela apenas se transforma em uma perspectiva de longa data.

32 comentários:

  1. Amei o texto. E concordo principalmente com seu ultimo paragrafo :D

    Beijos e até mais,
    Jayane Fereguetti
    http://www.ulalahmundo.com

    ResponderExcluir
  2. Eu fico realmente muito tocada com esses textos que abordam a infância e o significado de crescer. Toda a responsabilidade escondida e tudo que acarreta em querer ser adulto. Na pressa e o desespero por crescer criando uma expectativa de que é algo tão bom quanto ser criança. A pressa à crescer faz um vínculo com algo chamado liberdade. Que é o que achamos que teremos quando formos adultos. Mas na verdade, eu acredito que a criança é bem mais livre. Ela não tem medo, não tem receio. Apenas vive. Não tem medo de perguntar, de não saber, de errar uma conta de matemática. Crescer envolve tantas coisas belas, mas tantas frustrações. Enfim.. Brisei kkkkkk obrigada pelo post ❤

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo om tudo o que você disse <3 Temos a mania feia de achar que o amanhã sera melhor e que com 15, 20, 30 anos vamos conquistar tudo o que queremos e nos esquecemos de viver hoje, para ter a conquista amanha!

      Excluir
    2. Isso. Essa condição se da ao fato da cobrança em cima da criança e a necessidade de se pensar no depois. Eu li uma matéria de um tribo indígena em que era totalmente proibido perguntar à criança o que ela seria quando crescesse. Pq isso de certa forma, mesmo q indiretamente cria uma bagunça na cabeça delas, em ter q pensar, com 10 anos, na família que vão ter, o emprego, a vida. E se essas perguntas não são feitas elas crescem no tempo que tem que crescer. E se decidem profissionalmente quando estão prontos. Escolhem fazer oq querem por amor, não por pressão, pra querer agradar os pais ou por dinheiro.

      Excluir
    3. E se você for parar para pensar, isso acontece muito em 90% das familias do brasil pelo menos. Os pais ditam o que temos que fazer e qual curso seguir, pq esse dá mais dinheiro... sendo que precisamos fazer por amor. O curso dos sonhos pode estar lotado de profissionais no futuro por causa dessa unica direção. Nao se vê mais ninguem dizendo que quer fazer eltras, ser professor, fazer culinaria, sei la.. é só engenharia, medicina e direito.

      Excluir
    4. Não que seja algo ruim. Mas ai quando alguem escolhe por amor algumadessas profissões, recebem aquelas perguntas com tom de julgamento: "ah, mas vc gosta mesmo?" "ta fazendo só pelo dinheiro, né?" "desde quando vc quer isso?" "vc não vai conseguir, é mt difícil" e muitas outras perguntas chatas que acabam desanimando

      Excluir
  3. Ótimo texto e eu amo sua escrita *-*
    Crescer é mudar, para melhor. Ter pés no chão e trabalhar para ter os sonhos realizados <3

    www.chaeamor.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Awn, fico feliz que vc goste dela Camila <3
      Adoro seu blog!

      Excluir
  4. Faz todo sentindo, acho que crescer não é só questão de tamanho ou idade, como sua professora mesmo disse é aprender, descobrir, quebrar a cara, rir, sonhar, realizar os sonhos e sonhar novos sonhos, é chorar, se decepcionar e recomeçar novamente e que daí vem o crescer o amadurecer :D

    http://confissoesdeumaaprendiz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente! Crescer é tudo isso, e vamos aprendendo mais a cada ano :3

      Excluir
  5. Concordo bastante com você. Crescer é viver, aprender lições na marra, até se sentir dono de si mesmo. Ficou excelente o texto! :D

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/
    Tem post novo no blog sobre séries, vem conferir!

    ResponderExcluir
  6. Que texto mais lindo! <3
    Acho que a gente nunca acha que cresceu e vive esperando esse tal dia - que nunca chega - chegar. E em um momento a gente percebe que é melhor que esse dia não chegue mesmo, assim dá para aprender muita coisa, viver novos sonhos, se redescobrir a cada dia! É o percurso que proporciona as conquistas que fazem cada esforço valer a pena!

    Beijão!
    As Melhores Coisas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ultimamente eu to com a ideia de nunca crescer e sempre ter o espirito de crianças, afinal de contas.. crescer é chato kkk e eu nao quero ficar chata kk

      Excluir
  7. Crescer vai além de idade e de conhecimentos. Tem toda uma parada espíritual que esse mundo carnal não nos deixa enxergar...
    | A Bela, não a Fera |
    | FB Page A Bela, não a Fera|

    ResponderExcluir
  8. Felizmente nunca tive o problema de minha família dizer o que precisava ou não fazer. Crescer é viver. Uma pena que algumas pessoas ainda não aprenderam a viver a vida, elas só vão levando..

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A maioria das pessoas né :( infelizmente...

      Excluir
  9. Caraaamba que identifiquei muito com esse texto! Também sou dessas que escreve o que está engasgado, preso na garganta e também tenho uma pasta no meu desktop chamada textos idiotas, que quase nunca publico por achar que as pessoas não vão entender! Mas agora lendo seu texto percebi que as vezes eu posso ajudar as pessoas com os meus textos idiotas, assim como você me ajudou com esse! Sempre desde pequena me perguntei o porque todos ao meu redor crescia, estudava, trabalhava, trabalhava, trabalhava, casava, trabalhava mais um pouco, guardava guardava dinheiro, constituía uma família, trabalhava, ficava velho e morria... Nunca entendia direito esse ciclo e sempre tive medo de crescer quando era pequena porque meio que eu achava que crescer era sinônimo de entrar para esse ciclo... Achei legal as palavras da sua professora e assim como você hoje diferente de quando era criança entendi o que era crescer e seu último paragrafo é o que venho descobrindo todos os dias...
    Obrigada por compartilhar o texto... Dá para o entender perfeitamente e ele faz todo o sentido do mundo <3

    Beijinhos Bi

    http://www.janeladela.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi Kézia,
    Ótimo texto, parabéns. Não precisa ter receio de compartilhar não porque o blog ta aí para isso mesmo. Sempre vai ter alguém pra se identificar com você.
    Eu acho, apesar dos 26 anos, que não cresci muito não hahaha todo dia é uma luta para ensinar o emocional a se comportar. Ele me faz perder cada oportunidade...

    tenha uma maravilhosa semana =D
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  11. Crescer é tudo isso mesmo, e nesse processo a gente sempre se pergunta coisas ou ficamos em duvida sobre quem somos, onde chegamos e onde queremos chegar e as vezes não aproveitamos tanto o agora. Não podemos ficar pensando ou apressando tudo, o fato é que tudo ocorre naturalmente sem que percebamos. Vamos nos transformando ao pouco e quando percebemos já mudamos bastante daquela garotinha para uma mulher.
    Adorei o texto,

    Beijos e boa semana!


    http://mylife-rapha.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Oi Kézia!
    Que texto lindo. Pode tirar tudo das suas pastas e publicar aqui pra gente ler? *-*
    Eu tenho 31 anos e acho que o melhor de crescer é mudar a cabeça... Tem coisas que eu me preocupava pra caramba quando era mais nova que agora acho perda de tempo. Isso liberta a gente :)

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  13. amei esse texto, e as vezes sinto perdida como seguir e tal, mas ai vou seguindo e as coisas acontecem, vou mudando, vou crescendo vou aprendendo, beijos linda http://www.blogdaxavier.com.br/

    ResponderExcluir
  14. coisa linda seu texto. engraçado mesmo como nossa percepção de crescer muda. eu tbm queria chegar aos 10 anos, 15, 18.. sem perceber que o crescer já estava nesse processo todo. não tem uma data! beeeijos :*

    Ja fomos legais

    ResponderExcluir
  15. Oi Kézia! Continue postando seus textos, são ótimos! Acho que essa coisa de crescer é muito complicada, a gente nunca sabe se está realmente crescido e quando isso vai acontecer. Acho que na verdade crescer é não se preocupar mais com isso

    ResponderExcluir
  16. Oi!
    Menina, excelente texto. Acho que ~me via da mesma forma que você, principalmente quando adolescente. Talvez hoje em dia tenho uma opinião diferente sobre crescer, mas não exatamente como expressar isso. É algo tão relativo é pessoal.
    Beijos
    SIL ~ Estilhaçando Livros

    ResponderExcluir
  17. Que reflexão maravilhosa e sim eu precisava ler isso.
    Não somos feitos em séries para ter os mesmos ideais, sonhos ou propósitos, cada um cresce conforme sua semente. Agora o fruto depende de nós.
    Beijo

    www.tecontopoesia.com

    ResponderExcluir
  18. Oie Kézia =)

    Crescer é o nosso maior desafio, por a cada dia algo novo surge em nossas vidas nos forçando a dar mais um passo em frente.
    As vezes esse passo nos leva por um caminho que não imaginávamos, mas temos que seguir em frente, por que é lá que nossos sonhos estão nos esperando.

    Belo texto!

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary


    ResponderExcluir
  19. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  20. Uau, que texto fantástico. Me identifiquei bastante com ele, crescer realmente envolve muitas coisas, nos trás alegrias, frustrações e tudo o que pode fazer com que nós seguimos em frente ou paramos em algum momento e nos perguntamos se é aquilo mesmo. Seu texto ficou maravilhoso, amei o post.
    Beijoos.
    amordeluaazul.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  21. Nossa, estou chocada! Esse último paragrafo me arrepiou completamente e me me deu estalo! Muito bom o seu texto, eu amei! Amei o blog também e já estou seguindo. Sucesso!
    Beijo grande,
    Café, Vodka e Literatura

    ResponderExcluir

© Kézia Martins / Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Colorindo Design
Tecnologia do Blogger.