HOME SOBRE CONTATO FREEBIES CLIPPING

RESENHA: OS QUASE COMPLETOS


17 abril 2018


OS QUASE COMPLETOS | FELIPPE BARBOSA | 382 PÁGINAS | LIVRO ENVIADO PARA RESENHA | EDITORA ARQUEIRO | COMPRE AQUI | NOTA:        

O Quase Doutor não está satisfeito com o rumo que sua vida tomou.
A Quase Viuvá vive aflita pela incerteza da morte de seu amado. 
O Quase Repórter queria mesmo era ser critico e não aceita o suicídio de sua esposa.

Três pessoas completamente distintas e totalmente iguais!

Quando o Quase Doutor decide embarcar em uma viagem estranha, a convite de um senhor, ele não imaginava que aquilo mudaria sua vida. Já a Quase Viuvá começa a suspeitar do hospital no qual seu marido se encontra em coma e o Quase Repórter parece ter encontrado as respostas da morte de sua esposa.

Quando coloquei o olho nesse livro eu pensei que seria muita coisa para poucas páginas, muitos personagens com os próprios pesadelos, muitas lições para um único livro. E meu Deus! Que com que eu estava enganada. Queria poder favoritar esse livro mais de uma vez, queria dar mais do que cinco pontos porque esse nacional conseguiu acabar comigo. Eu já disse que adoro livos que trazem sentido pra vida? Pois esse livro conseguiu mais. Conforme a leitura fluía eu só conseguia pensar nas várias pessoas que deveriam ler essa obra.

Felippe conseguiu trazer personagens tão reais que é impossível não se identificar com algum (ou com todos), o desfecho da historia foi de uma maestria tão arrebatadora que no final eu não sabia mais o que pensar. Fiquei de boca aberta, encantada, apaixonada por suas palavras e tudo o que ela representou. já estava sentindo falta de livros assim, que conseguia passar mais do que o proposto.

Nada na historia foi clichê, a cada página me encontrava surpresa e curiosa para saber até onde aquilo tudo me levaria. Foi como uma verdadeira viagem. Eu realmente senti que era mais uma passageira naquele ônibus. O significado por trás de toda a palavra. A motivação. A magia. O reconhecimento. O mistério. O poder de nossas escolhas. Tudo isso levou a uma leitura prazerosa e unica. 

O autor foi o ganhador do premio pólen, promovido pela editora arqueiro. Eu participei também, mas agora vejo o motivo dessa obra ter ganhado e agradeço muito por isso! É um livro encantador. Já virei fã desse autor e quero mais.

RESENHA: SONHOS EM FLOR


01 abril 2018


SONHOS EM FLOR | ESTELLE LAURE | 272 PÁGINAS | LIVRO ENVIADO PARA RESENHA | EDITORA ARQUEIRO | COMPRE AQUI | NOTA:           

Eden tinha um único objetivo que era dançar balé. Seus treinos contínuos mostravam isso, seu futuro estava todo planejado naquele sonho. Até que, por uma questão de segundos, sua certeza cai e é levada por águas geladas. 

Com um acidente que a levou ficar em coma por semanas, Eden ainda não consegue admitir a nova realidade que estava vivendo. O relacionamento da sua melhor amiga com seu irmão gêmeo, aquele hospital que faz com que ela veja coisas que não deveriam existir, como flores negras. E ainda tinha aquela outra garota em coma do outro lado. Nada mais parecia certo. Ela não queria comer aquelas comidas, não queria ficar presa, queria dançar, viver a vida que estava vivendo antes do pior acontecer.

O pior.

Será mesmo o pior? Será que sua vida, tão controlada, era melhor?

Uma coisa é fato: ela não é a mesma pessoa. Eden agora vê coisas que não acredita e sonha como se nunca fosse acordar. Agora ela tem perguntas que precisam ser respondidas e a primeira coisa é encontrar a garota do outro quarto. Só que ao invés disso ela encontra Joe.

E Joe fará com que ela se perca

Para enfim se encontrar.

Sonhos em flor é um livro poético, assim como Essa luz tão brilhante. A autora conseguiu transbordar sentimentos em uma narração quase preciosa. Eu não achei cansativo, na verdade demorei para pegar o ritmo da leitura mas depois que consegui a coisa toda se transformou. O unco defeito é que poderia ter mais, pra mim faltou um pouco mais de explicação dos outros personagens, mas de resto continuo achando a escrita da autora maravilhosa.

Dividido em antes, durante e depois, o livro nos mostra que a certeza as vezes não é o obvio, as vezes nem chega a ser aquilo que queremos. É mais.E é esse mais que vivemos procurando. 

É o mais que faz a nossa vida valer a pena.

UMA OUTRA CARTA PARA MIM MESMA


22 março 2018


Olá, como estão as coisas? É, eu sei, ultimamente tem sido difícil responder essa pergunta, você simplesmente não sabe o que dizer, se limita a balançar a cabeça porque não acha que a resposta seja sim e nem não, mas as pessoas nunca percebem, não é? Eu sei o seu cansaço, a sua vontade de ser livre, a sua vontade de fazer loucuras por não estar mais conseguindo segurar a barra. Eu sei, você está no seu limite. Mas talvez o limite seja a liberdade. Seja o impulso que te falta para quebrar a parede enorme que te impede. Eu sei, vai doer. Eu sei, você vai quebrar outras pessoas. Eu sei, talvez  você se sinta meio perdida. Mas eu sei que você consegue e eu sei que você precisa se colocar em primeiro lugar. Você precisa fazer isso por você, mesmo se magoar outras pessoas. Você precisa se curar por dentro e se isso envolve alguns sacrifícios e não se importar na magoa de outras pessoas por não aceitarem que você é um ser livre, apenas faça.

Eu entendo que esteja perdida dentro do seu próprio quarto, paralisada dentro da própria casa e se sentindo uma intrusa no seu corpo, mas eu estou com você, eu admiro você, eu confio em você e acredito em você e na sua capacidade. Você quer gritar que basta? Me dê sua mão e vamos quebrar isso juntas. Vamos destruir as barreiras e aceitar a valentia e a virtude que vem de dentro. Eu sou parte de quem você é, e você é um ser inteiro, capacitado e que possui habilidades e meios que te elevam e te fazem conseguir sem quer quiser ser e onde quiser ser.

Eu quero se sinta bem, em casa, livre e cheia de esperança. Quero que sinta o aroma de todas as plantas que puder, que entenda as pessoas o máximo que puder, que saiba se por em primeiro lugar, pensar em você e no seu bem estar. Eu quero que você grite, eu quero você respire fundo, que sinta tudo, que deixe fluir, deixe sair de dentro e chegar no mundo. Aceite quem você é, aceite que tem força e valentia, virtude e coragem. Eles não podem mudar quem você é, faz parte da sua essência.

Eu sei o quanto você escuta as pessoas. PARE. Eu sei que você acredita em coisas que te fazem bem e te deixam serena e que muita gente tenta te colocar para baixo e colocar características em você que não existem. Você sabe quem você é, no que acreditar, e você  nunca precisou da aprovação ou aceitação de ninguém além de você pra isso. Porque é em você que você se encontra e não fora. Você deve se encontrar, só você pode. Só você entende plenamente você. Eu sei que você acredita em mim, tenha coragem, seja valente.

Eu entendo a pressão desse ano. Eu sei que te falaram que você precisa de mais tempo, que precisa ser como todos, que não tem tanta capacidade. Você tem sim, você precisa do seu tempo e só você sabe o seu tempo. Você está no seu tempo. E ele é somente seu.

Não desiste ainda, o mundo precisa de você, você precisa de você, precisa se superar, descobrir sua capacidade, descobrir que você tem sim coragem e consegue sim fazer o que quiser fazer. Eu acredito em você. Seja valente. Eu sei que você sente isso dentro de você. DEIXE FLORESCER.

RESENHA: MAIS LINDO QUE A LUA


12 março 2018


Eu não tenho nada contra a livros que retratam amor a primeira vista. Mas, porém, no entanto, toda via, eu não simpatizei com o mocinho. Calma, eu li muitas resenhas sobre esse livro antes de ler ele de fato, então já comecei a leitura sabendo que o Conde Robert não era um dos melhores personagens que Quinn já criou.

Mesmo assim eu ainda não consegui engolir toda aquela amargura infantil. Sim, eu entendo que estamos falando de um romance de época. Sim, eu entendo que as moças eram submissas nesse tempo. E sim, eu entendo que ele era um Conde machucado e enganado. Mas nada justificou o fato dele tratar ela como andou tratando antes de conhecer toda a verdade da sua separação.

Dito isso, vamos a historia.


Robert se apaixonou por Victoria no momento que a encontrou. Já ela teve seu coração roubado no momento que o viu. Porém, ele é um Conde ela uma simples filha do vigário. Com essa diferença gritante de poder os pais não aceitaram a relação e ambos foram separados no momento em que tentavam fugir juntos.

7 anos se passaram e Victoria agora é uma mulher independente, durante todo esse tempo ela acreditou que Robert a enganou e ele, por outro lado, achava ter seu coração partido. As coisas mudaram, eles estão diferentes, mais maduros, mas e o sentimento? Continua igual? Ou a mágoa falará mais alto? 

Qual a verdade por trás de toda essa historia?

Mais lindo que a lua é um livro que bagunçou um pouco meus sentimentos. Eu não comecei a leitura com muitas expectativas justamente por saber o tipo de personagem que encontraria aqui. Só que, talvez, o fato dele ser mais real do que eu gostaria, me deixou um pouco decepcionada. Porque não nego que esse livro está mais perto da realidade do que os outros. Robert é mais real do que gostaríamos de acreditar.

Pois é. Tá ai. Acho que foi isso que não gostei. O fato de ser tão real a ponto de magoar. 
Quando lemos um livro, na maioria das vezes, não estamos procurando realidade e sim paraíso. 


LIVRO: MAIS LINDO QUE A LUA
AUTORA: JULIA QUINN
PÁGINAS: 272
COMPRE AQUI 
NOTA:           
EDITORA: ARQUEIRO
LIVRO ENVIADO PARA RESENHA
© Kézia Martins / Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Colorindo Design
Tecnologia do Blogger.