HOME SOBRE CONTATO FREEBIES CLIPPING

RESENHA: VIRGEM


28 novembro 2017


Esse livro me lembrou muito as historias da Sophie Kinsella e só por isso eu já amei! Pensa em um enredo divertido e original? Me apeguei demais aos personagens e adorei a protagonista. Tudo bem que ela tem seus dramas, mas que mulher não tem? Ainda mais na situação dela, sobre o que ela ACHA realmente querer.

Foco no acha, porque quero deixar bem claro aqui que não tem nada demais a pessoa ser ou não virgem. O tempo de cada um é o tempo que ele querer, não será a idade que definirá isso. E meu Deus, esse é outro motivo por ter adorado tanto a historia. Ela vai focar justamente nesse aprendizado. 

O livro é 100% feminino, então recomendo para todas as garotas porque irá falar de coisas que muitas jovens precisam saber. De mulher para a mulher. É como uma conversa intima, com ajuda, confissões, mesmo que voltado para uma personagem ele é de todas nós. Porque querendo ou não acabamos nos encontrando em suas duvidas (e até nos diálogos). O medo da vida adulta, o julgamento, a procura da perfeição, essas questões que vire e mexe passa, em algum momento, em nossa cabeça.



Como eu disse, tá tudo bem ser ou não virgem desde que você saiba o que quer, e esse é problema da nossa protagonista. Ellie não está bem com a situação que se encontra. Ela não quer mais ser virgem. E volta toda essa questão que falei acima. O julgamento. A duvidas. Aquela sensação de não fazer parte de algo que deveria fazer. É assim que ela s sente em seu grupo de amigos, com sua falta de experiencia, então ela coloca como meta perder a virgindade em quatro meses. Será que ela vai conseguir? Ou vai acabar descobrindo outras coisas?

Eu adorei todo o caminho que a protagonista percorreu, tudo o que ela passou e aprendeu. O blog que ela criou e como isso acabou ajudando tanto ela como muitas outras pessoas. Acho que muitos blogueiros aqui vão se encontrar nessa parte (e em outras), toda a situação que ela passa é tão intima e delicada que não tem como não nos pegarmos.
“Você precisa ter mais autoconfiança, querida. Aceite seu corpaço e desfrute das curvas.”
Eu simplesmente adorei o livro e tudo o que ele representou!


LIVRO: VIRGEM
AUTORA: RADHIKA SANGHANI 
PÁGINAS: 288 
COMPRE AQUI 
NOTA:          
EDITORA: ROCCO
LIVRO ENVIADO PARA RESENHA

RESENHA: UM CARTÃO


27 novembro 2017


Precisamos espalhar amor.
Precisamos espalhar positividade.
Precisamos desse livro.

Quem ai não conhece o ig @umcartão ou nunca viu uma imagem leve dessas circulando pela internet? A proposta do Pedro foi justamente essa, trazer mais leveza para o dia das pessoas. Alem do design dos cartões serem lindões, as frases complementam deixando quem quer que leia com um sentimento mais... como posso dizer? Completo. 

Sabe? Aquele sentimento de certeza. Que hoje foi só mais um dia ruim e que não serão todos assim.

Com frases simples, que carregam um peso enorme de sentimentos. De certeza.

Além do livro ser mega fofo, a edição ainda nos surpreende com a opção de destacarmos os cartões que mais gostamos e quem sabe, entregar para aquela pessoa especial, né? Eu não tenho essa coragem, mas achei a ideia maravilhosa porque o outro lado é branco, com uma frase curta em baixo, podendo escrever algum mensagem ao entregarmos o cartão. MUITO legal, eu adorei!

Um livro em forma de cartão para você espalhar ou guardar amor.

Para você lembrar que o amor pode ser leve.

LIVRO: UM CARTÃO
AUTORA: PEDRO HENRIQUE
PÁGINAS: 192
COMPRE AQUI 
NOTA:         
EDITORA: ROCCO
LIVRO ENVIADO PARA RESENHA

RESENHA: ROMANCE ENTRE RENDAS


24 novembro 2017


Eu não gostava da Clara. Pois é, não gostava. No primeiro livro achava ela normal demais, sem voz, apenas seguindo regras. Claro que ela foi mudando com o passar da série e quando chegou a hora de ler seu livro eu, bom, como posso dizer? Eu acho que me decepcionei um pouquinho.

Só um pouquinho.

Veja bem, a historia é ótima, temos uma dose razoável de investigação, muito romance e diálogos excelentes. Porém, acho que o que não me agradou foi o mocinho. Corvo, como Radford é chamado, está em ultima posição de todos os homens dessa série. Eu geralmente gosto desses personagens que fingem ter marra mas acabam tendo um bom coração, só que esse personagem em questão não me agradou, o tratamento que ele dedicou a Lady Clara não foi um dos melhores e apesar de ter bastante romance no decorrer do livro, não senti aquela conexão que geralmente é percebido em romances de época.


APESAR DE TUDO, ainda gostei muito da historia por retratar a mudança da personagem. Aqui encontraremos uma Clara Fairfax que está cansada de ser tratada como a mais bela. Apesar de receber inúmeros pedidos de casamento, ela não se sente atraída por ninguém e tudo o que ela menos quer é um casamento sem amor. Eis que ela encontra Radford e lhe faz uma proposta para ajudá-la com um  mistério. O promotor é muito inteligente, mas possui uma personalidade horrível, além de odiar aristocratas. 

Contudo, ele ainda aceita ajudar Clara com o caso. Uma simples caso, pensava ele, visto que é um dos advogados mais inteligente, ele resolveria aquilo fácil, mas nada o alertou para o que estava por vir. 

Uma aventura transformadora, perigosa e cheia de desejo.

Romance entre rendas pode não ter sido o melhor da série, com os melhores personagens, mas ainda assim conseguiu prender minha atenção com todo o seu desenvolvimento.


LIVRO: ROMANCE ENTRE RENDAS
AUTORA: LORETTA CHASE
PÁGINAS: 315
COMPRE AQUI 
NOTA:           
EDITORA: ARQUEIRO
LIVRO ENVIADO PARA RESENHA

RESENHA: COMO SE CASAR COM UM MARQUÊS


25 outubro 2017


Eu já estou com saudades e quero mais da Julia Quinn. Acho que será difícil existir um livro dessa autora que eu goste menos. Ela consegue me fisgar logo nas primeiras linhas e me manter presa até descobrir todos os por quês que é jogado na historia. 

No segundo volume da duologia "Agentes da coroa" vamos conhecer Elizabeth, dama de companhia de Lady Danbugy (SIM MEUS AMIGOS, DANBURY, A FAMOSA LADY DANBURY DOS BRIDGERTONS AHHH).  Elizabeth é orfão e tem três irmãos mais novos, mantendo-os apenas com o dinheiro de dama de companhia. Com o perigo de não conseguir sustentar seus irmãos ela decide se casar. É quando encontra um livro muito peculiar na Biblioteca de Lady Danbury com intitulado "Como se casar com um marques". Bom, situações desesperadas, pedem medidas desesperadas.

James é o marquês de Riverdale (alguns vão conhecê-lo do primeiro livro da serie Os Bridgertons) está disfarçado na casa de sua tia para descobrir quem é o chantagista que anda querendo revelar os segredos da família. Assim que chega, ele encontra Elizabeth e suas suspeitas recaem sobre ela. É por esse motivo que ele aceitar dar aulas de como conseguir um marido. Afinal ele era um marquês, mas Elzabeth não sabia disso e mesmo nutrindo sentimentos no decorrer da historia, ela se mantem forte na sua busca para ajudar a família. Não podia se dar ao luxo de se apaixonar por um empregado.


Na resenha do primeiro volume da serie disse que esperava que o segundo fosse tão engraçado quanto o primeiro. E ainda bem que foi! Elizabeth é uma personagem tão engraçada quando Caroline foi, e James possui aquele ar misterioso já muito esperados nos mocinhos de Julia Quinn. Gostei de como decorreu o romance dos dois, com várias investidas, medos e muitos socos. 

Com personagens carismaticos (até mesmo quando se trata de um gato!!!) Julia Quinn, mais uma vez, conseguiu mostrar uma historia leve, bem humorada e apaixonante! 

Ri demais com as trapalhadas de Elizabeth, com as falas de Danbury, com as investidas de James, todos. Até os irmãos não escapam. Julia conseguiu mostrar o melhor dos personagens nesse livro e eu simplesmente amei.

LIVRO: COMO SE CASAR COM UM MARQUÊS 
AUTORA: JULIA QUINN 
PÁGINAS: 320 
NOTA:          
EDITORA: ARQUEIRO 
LIVRO ENVIADO PARA RESENHA
© Kézia Martins / Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Colorindo Design
Tecnologia do Blogger.